No Dia Internacional contra a Discriminação Racial, Nova Central pede reflexão social

Data de publicação: 21 Mar 2024


No Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, celebrado neste 21 de março, a Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST) reflete sobre os desafios da população negra no Brasil.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população negra representa 56,1% do Brasil. Mas, na prática, esse grupo majoritário não ocupa cargos de decisão ou espaços de destaque. A desigualdade racial é estrutural, inegável, e resisti pela fragilidade das políticas públicas de enfrentamento.

“Esse dia deveria ser um momento de reflexão para toda a sociedade, pois só aumentou os genocídios, os feminicídios, a desigualdade salarial e a falta de oportunidades em todas as esferas. Infelizmente a população negra ainda ocupa um lugar de desvantagem em diversos setores, como na educação, no mercado de trabalho e na saúde! CHEGA!!! PARE DE NOS MATAR!!! Estamos Unidos PELO  FIM  DO RACISMO,  DO GENOCÍDIO E DO FEMINICÍDIO” Não Vão Nos Calar!!! #VIDASNEGRASIMPORTAM”, enfatizou a secretária nacional e estadual de Promoção de Igualdade Racial e Gênero, Cátia Laurindo (Nega Show). 

Por que 21 de março?!  
O Dia Internacional Contra a Discriminação Racial foi criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) em referência ao Massacre de Sharpeville.

Nessa data, aproximadamente vinte mil pessoas protestavam contra a “lei do passe”, em Joanesburgo, na África do Sul. A lei obrigava os negros a andarem com identificações que limitavam os locais por onde poderiam circular dentro da cidade.

Tropas militares do Apartheid atacaram os manifestantes e mataram 69 pessoas, além de ferir uma centena de outras.

 

A Construção de uma NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES – NCST foi forjada na unidade, coragem e ousadia, capaz de propor uma alternativa de luta para os trabalhadores e trabalhadoras do Brasil. A NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES marca um momento importante na história do Movimento Sindical Brasileiro, ela é a esperança transformada em realidade que se constitui como instrumento de luta e de unidade da classe trabalhadora do nosso País.

NEWSLETTER
RECEBA NOTÍCIAS POR EMAIL

Receba diariamente todas as notícias publicadas em nosso portal. Após cadastro, confirme sua inscrição clicando no link que chegará em sua caixa de entrada. Confira essa novidade!

Endereço: SAUS Quadra 04 Bloco A Salas 905 a 908 (Ed. Victória) - CEP:70070-938 - Brasília-DF | Telefone: (61) 3226-4000

Back to Top