AL: Sateal cobra de unidades de saúde o fornecimento de equipamentos de proteção para enfrentar coronavírus

Data de publicação: 20 Mar 2020




O Sateal enviou documento a todas as unidades de saúde do estado, públicas e privadas, reforçando a importância da adoção de medidas de segurança entre o corpo de profissionais que prestam assistência aos pacientes da unidade de saúde diante deste momento de pandemia relacionada ao vírus Covid-19.

O Sindicato já vem registrando denúncias de que hospitais não estão fornecendo os equipamentos devidos e as informações sobre protocolos de segurança estão sendo alterados sem qualquer critério. O Sateal alerta que os profissionais devem denunciar as empresas que estiverem descumprindo com o fornecimento dos EPI's.

“Os protocolos de horas para o uso das máscaras começaram com 3 horas para a troca, depois 6 horas a ponto de ser autorizado que as levássemos para casa e usássemos por dois dias. Já há profissionais que não receberam máscaras para substituir as descartadas”, diz uma das denúncias.  

Cabe ressaltar que o uso do Equipamento de Proteção Individual (EPI’s) é obrigatório, conforme Norma Regulamentadora Nº32 além do protocolo do de atendimento do Novo Coronavírus do Ministério da Saúde, publicado no dia 16 de março de 2020.

“É preciso alertar para a atenção redobrada e a aplicação de treinamento de segurança em saúde para os profissionais que estão na porta de entrada dos pacientes. Sobre os profissionais que fazem parte do grupo de risco, recomendamos que seja dada uma atenção especial, e que se possível eles sejam remanejados ou ainda afastados dos locais de maior exposição a fim de evitar a propagação da doença em nosso estado”, destaca o documento.

Para o setor público, o Ministério da Saúde destaca que o Protocolo visa orientar a Rede de Serviços de Atenção à Saúde do SUS para atuação na identificação, notificação e manejo oportuno de casos suspeitos de Infecção Humana pelo Novo Coronavírus de modo a mitigar os riscos de transmissão sustentada no território nacional.


Baixe AQUI o protocolo do Ministério da Saúde




Fonte: Sindicato dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem no Estado de Alagoas - Sateal, entidade filiada à NCST 

 


A Construção de uma NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES – NCST foi forjada na unidade, coragem e ousadia, capaz de propor uma alternativa de luta para os trabalhadores e trabalhadoras do Brasil. A NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES marca um momento importante na história do Movimento Sindical Brasileiro, ela é a esperança transformada em realidade que se constitui como instrumento de luta e de unidade da classe trabalhadora do nosso País.

NEWSLETTER
RECEBA NOTÍCIAS POR EMAIL

Receba diariamente todas as notícias publicadas em nosso portal. Após cadastro, confirme sua inscrição clicando no link que chegará em sua caixa de entrada. Confira essa novidade!

SAF-Sul Quadra 02 Bloco D Térreo - Sala 102 - Ed. Via Esplanada - CEP: 70070-600 - Brasília-DF | Telefone: (61) 3226-4000 / Fax: (61) 3226-4004

Back to Top