Mulheres da NCST participam de ato público na capital paulista

Data de publicação: 3 Mar 2020





Lideranças femininas da Nova Central Sindical de Trabalhadores – NCST, participaram, nesta segunda-feira (02/03), de ato público com as demais centrais sindicais que tem por objetivo convocar as cidadãs e os cidadãos paulistanos para participarem das manifestações que serão realizadas nos dias 08, 14 e 18 de março em defesa da democracia, dos empregos, dos salários, dos direitos, da saúde, da educação e demais serviços públicos.
 
De acordo com as organizadoras do ato, em menos de duas horas foram distribuídos mais de 8 mil panfletos que explicam os prejuízos resultantes das novas regras da Previdência.



 

O informativo compartilhado pelas lideranças sindicais elenca uma série de dados sobre a desigualdade de gênero, estratégia que as integrantes do Fórum das Mulheres da Centrais Sindicais encontraram para alertar as trabalhadoras sobre a importância de participarem dos atos em defesa da democracia, dos direitos e contra o desmonte das estruturas de proteção social do Estado.



Sônia Zerino

 
“É dever de cada cidadã, seja paulistana ou nas demais capitais e municípios do país, erguer-se contra essa onda de violência de gênero e violações dos direitos que asseguram um mínimo de respeito e dignidade às trabalhadoras do nosso país”, convocou da Diretora Nacional de Mulheres da NCST, Sônia Zerino. “Nossas conquistas históricas, todas elas, foram resultado de muita luta e mobilização. Diante de uma agenda que prejudica toda a sociedade, sobretudo as mulheres, não temos o direito de cruzarmos os braços frente a esse conjunto de retrocessos, com potencial de trazer prejuízos incalculáveis e irreversíveis para esta e as demais gerações”, reforçou da Diretora de Mulheres da NCST São Paulo, Kátia Rodrigues.



Kátia Rodrigues

 
8 de março

 
No Dia Internacional da Mulher, em 8 de março, as mulheres irão se concentrar, a partir das 14 horas, no Parque Mario Covas, próximo ao Masp. Depois elas seguem em caminhada até a Avenida Paulista e terminarão o ato na Praça Rosevelt. A expectativa das organizadoras é reunir grande público, sobretudo entre as servidoras públicas estaduais e municipais de São Paulo, que seguem em plena luta contra a retirada de direitos.
 
 
14 de Março
 
 
A manifestação pedirá a punição dos responsáveis pela morte da vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco. O crime, que já completa 2 anos, permanece sem conclusão nas instâncias judiciais.  
18 de março
 
18 de março será o “Dia Nacional de Luta em Defesa do Serviço Público, Estatais, Emprego e Salário, Soberania, Defesa da Amazônia e Agricultura Familiar”. Será um dia de mobilizações nos locais de trabalho, paralisações e atos nas principais capitais e nas cidades do interior do país.



Clique AQUI e baixe o panfleto no formato PDF
 
 

 
*  Com informações da CUT
 
 
 
 
Imprensa NCST


 


A Construção de uma NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES – NCST foi forjada na unidade, coragem e ousadia, capaz de propor uma alternativa de luta para os trabalhadores e trabalhadoras do Brasil. A NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES marca um momento importante na história do Movimento Sindical Brasileiro, ela é a esperança transformada em realidade que se constitui como instrumento de luta e de unidade da classe trabalhadora do nosso País.

NEWSLETTER
RECEBA NOTÍCIAS POR EMAIL

Receba diariamente todas as notícias publicadas em nosso portal. Após cadastro, confirme sua inscrição clicando no link que chegará em sua caixa de entrada. Confira essa novidade!

SAF-Sul Quadra 02 Bloco D Térreo - Sala 102 - Ed. Via Esplanada - CEP: 70070-600 - Brasília-DF | Telefone: (61) 3226-4000 / Fax: (61) 3226-4004

Back to Top