Data de publicação: 6 Jun 2019


As centrais sindicais brasileiras convocaram, unificadamente, greve geral para 14 de junho. A pauta central da greve geral é a defesa do direito de aposentadoria e o repúdio à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 6/19, que trata da reforma da Previdência, em discussão na Câmara dos Deputados.





A convocação da greve geral ocorreu durante o ato do Dia Internacional dos Trabalhadores, em São Paulo (SP). Pela primeira vez, todas as centrais sindicais organizaram ato unificado de 1º de Maio na capital paulista. Mais de 200 mil pessoas foram à manifestação, no Vale do Anhangabaú.

Os trabalhadores presentes no ato fizeram votação simbólica de apoio à deflagração da greve geral contra a reforma da Previdência. A orientação das centrais é que, desde então, a mobilização fosse construída nas bases das mais diversas categorias.

O objetivo é que — no dia 14 de junho — sejam paralisados todos os locais de trabalho, estudo, comércio, bancos e circulação de mercadorias.












Clique AQUI ( /images_news/files/panfleto-greve-geral.pdf ) e baixe o panfleto da Greve Geral





Fonte: Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar - Diap