PB: Nova Central participa de audiência pública sobre a extinção do Ministério do Trabalho na CMPJ

Data de publicação: 23 Nov 2018


O presidente da Nova Central Sindical da Paraíba – NCST/PB participou, na quarta-feira (21/11), da sessão especial no plenário da Câmara Municipal de João Pessoa, com a propositura do vereador Marcos Henriques (PT). O debate contou com a participação do vereador Humberto Pontes (Avante), sindicalistas e trabalhadores das mais diversas categorias.




A mesa de trabalho foi composta pelo representante da Delegacia Regional do Trabalho e Emprego na Paraíba, José Aluísio Bezerra de Araújo; o presidente da Comissão da Justiça do Trabalho da Ordem dos Advogados do Brasil na Paraíba (OAB-PB), Rodrigo Dalbone; o coordenador de Relações Sindicais do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), José Silvestre Prado de Oliveira; a representante da Central Única dos Trabalhadores na Paraíba (CUT-PB), Vera Lúcia Level; o presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Federal da Paraíba (Sintserf), Severino Alves Araújo; e o presidente da Nova Central Sindical de Trabalhadores do Estado da Paraíba (NCST/PB), Antônio Erivaldo Henrique de Sousa.




O Vereador Marcos Henriques fez uma reflexão sobre a situação política e social do Brasil e disse que entende que a extinção do Ministério do Trabalho se configura como “a mais perversa das ameaças ao trabalhador”. Ele afirmou que os trabalhadores precisam ser ouvidos sobre as mudanças propostas pelo Governo Federal e afirmou que vai combater qualquer medida que atinja os direitos e a classe trabalhadora.




“O Ministério do Trabalho orienta o trabalhador em seus direitos, condições de trabalho, além de atuar em ramificações que atendem não só o trabalhador, mas também o empresariado. Estão tentando esvaziar o Ministério do Trabalho que tanto tem feito na fiscalização em defesa do trabalhador, principalmente combatendo o trabalho escravo em nosso país. Vamos todos juntos em defesa de garantir os direitos dos trabalhadores”, defendeu o vereador.

Em sua fala, José Silvestre Prado de Oliveira fez uma explanação sobre as relações entre empregados e patrões no Brasil, destacando a reforma trabalhista e sua relação com as ações jurídicas do setor e o fomento de empregos. “A tendência é ter uma queda na renda dos trabalhadores. É um desafio para toda sociedade brasileira para garantirmos a constitucionalidade para que lutemos para garantir direitos dentro do marco legal”, finalizou.

Antonio Erivaldo Henrique de Sousa, presidente da NCST/PB, afirmou que a extinção do Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, caso venha acontecer, será mais um desmonte e enfraquecimento da classe trabalhadora em geral. "O último ataque foi a Reforma Trabalhista feita pelo governo Temer que retirou direitos e conquistas dos trabalhadores. Agora o presidente eleito, Jair Bolsonaro, já anunciou seu desejo de extinguir e fundi-lo a outra pasta ou qualquer outro ministério, fato que gerou inquietação na classe trabalhadora e revolta nos servidores do MTE de todo território nacional, diante da importância do Ministério do Trabalho que completa 88 anos da próxima segunda feira 26. Somos contra sua extinção", reforçou o líder sindical. 

Já os demais oradores que usaram da tribuna destacaram a importância do Ministério do Trabalho na luta pela garantia dos direitos conquistados pelos trabalhadores, seja no desenvolvimento de políticas públicas, ou na fiscalização das relações trabalhistas junto com a Justiça do Trabalho.




Fonte: Assessoria de Comunicação da NCST/PB

A Construção de uma NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES – NCST foi forjada na unidade, coragem e ousadia, capaz de propor uma alternativa de luta para os trabalhadores e trabalhadoras do Brasil. A NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES marca um momento importante na história do Movimento Sindical Brasileiro, ela é a esperança transformada em realidade que se constitui como instrumento de luta e de unidade da classe trabalhadora do nosso País.

NEWSLETTER
RECEBA NOTÍCIAS POR EMAIL

Receba diariamente todas as notícias publicadas em nosso portal. Após cadastro, confirme sua inscrição clicando no link que chegará em sua caixa de entrada. Confira essa novidade!

SAF-Sul Quadra 02 Bloco D Térreo - Sala 102 - Ed. Via Esplanada - CEP: 70070-600 - Brasília-DF | Telefone: (61) 3226-4000 / Fax: (61) 3226-4004

Back to Top