Legislação como forma de garantir proteção social é tema de debate da CDH

Data de publicação: 13 Abr 2018

Senador Paulo Paim, que solicitou o debate: audiência é um pedido de entidades relacionadas ao direito do trabalho que se mostraram preocupadas com proposições legislativas que não se associam ao princípio constitucional de proteção do trabalhador.




A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa terá audiência pública nesta segunda-feira (16), a partir das 9h, para debater o tema "Legislar para Garantir Proteção Social — Resistir e Avançar". A solicitação do debate é do vice-presidente do colegiado, senador Paulo Paim (PT-RS).

Segundo Paim, a audiência é um pedido de entidades civis relacionadas ao direito do trabalho que se mostraram preocupadas com proposições legislativas que não se associam ao princípio constitucional de proteção do trabalhador.

No pedido de realização da audiência, Paim ressaltou que as organizações defendem a necessidade de avançar com proposições que regulamentem e concretizem os direitos e a proteção social do trabalhador, previstos na Constituição Federal. O senador lembrou ainda que em outubro a Carta Magna brasileira, conhecida como Constituição Cidadã, completa 30 anos de promulgação.

O debate contará com a presença de representantes sindicais e das entidades solicitantes da audiência: Carlos Silva, presidente do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho; Noemia Aparecida Garcia Porto, vice-presidente da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho; Rosarita Machado de Barros Caron, presidente da Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 10ª Região; e Ângelo Fabiano Farias da Costa, presidente da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho.

A lista de convidados inclui ainda Cristiano Paixão, procurador regional do Trabalho, e Ludmila Reis Brito Lopes, procuradora do Trabalho.

A reunião será na sala 6 da Ala Nilo Coelho, no Anexo 2 do Senado. A audiência será realizada em caráter interativo, com possibilidade de participação popular.




Fonte: Agência Senado 
 
 

A Construção de uma NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES – NCST foi forjada na unidade, coragem e ousadia, capaz de propor uma alternativa de luta para os trabalhadores e trabalhadoras do Brasil. A NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES marca um momento importante na história do Movimento Sindical Brasileiro, ela é a esperança transformada em realidade que se constitui como instrumento de luta e de unidade da classe trabalhadora do nosso País.

NEWSLETTER
RECEBA NOTÍCIAS POR EMAIL

Receba diariamente todas as notícias publicadas em nosso portal. Após cadastro, confirme sua inscrição clicando no link que chegará em sua caixa de entrada. Confira essa novidade!

SAF-Sul Quadra 02 Bloco D Térreo - Sala 102 - Ed. Via Esplanada - CEP: 70070-600 - Brasília-DF | Telefone: (61) 3226-4000 / Fax: (61) 3226-4004

Back to Top