Mercado de trabalho: estamos diante da retomada?

Data de publicao: 2 Ago 2017


Informações captadas pelo Sistema Pesquisa de Emprego e Desemprego (SPED), levantamento realizado pelo DIEESE e a Fundação Seade, indicam que a taxa de desemprego ficou praticamente estável em maio de 2017 em todas as regiões pesquisadas (Distrito Federal, Porto Alegre, Salvador e São Paulo), na comparação com o mês anterior.

Entretanto, na comparação com o mesmo mês do ano passado, a taxa apresentou elevação em todas as regiões, principalmente no Distrito Federal (2,6 p.p.) e São Paulo (1,2 p.p.), como mostra o gráfico abaixo.




A taxa de desemprego entre os jovens aumentou em todas as regiões pesquisadas, na comparação de 12 meses, atingindo 47,4% na região de Salvador e 43,6% no Distrito Federal. Também o tempo médio despendido pelos desempregados na procura por trabalho aumentou em São Paulo, Salvador e Porto Alegre, na comparação com o mês anterior e mesmo mês do ano anterior.

Segundo posição na ocupação, persiste o aumento do trabalho autônomo nas quatro regiões, na comparação de 12 meses. O emprego doméstico também se elevou de forma intensa no Distrito Federal e em Porto Alegre. Por outro lado, nessa última região, observou-se redução acentuada do assalariamento público e privado.

Nos últimos 12 meses, o rendimento médio real dos ocupados aumentou no Distrito Federal (2,6%) e na região de Salvador (9,2%), enquanto caiu em Porto Alegre (-6,7%) e em São Paulo (-2,7%). Mas, na variação mensal, houve queda em Salvador e no Distrito Federal. Já o rendimento dos autônomos reduziu-se em todas as regiões, principalmente em Porto Alegre (-7,9%).




Os autores da pesquisa apontam que a taxa de desemprego pode estar próxima de um cenário de maior estabilidade, mas em nível muito acima do verificado nos últimos anos. Na verdade, afirmam que não se deve esperar qualquer recuperação do mercado de trabalho de forma consistente nos próximos meses.



* Crédito da foto da página inicial: Portal Brasil




Fonte: Brasil Debate com informações do Dieese

A Construção de uma NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES – NCST foi forjada na unidade, coragem e ousadia, capaz de propor uma alternativa de luta para os trabalhadores e trabalhadoras do Brasil. A NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES marca um momento importante na história do Movimento Sindical Brasileiro, ela é a esperança transformada em realidade que se constitui como instrumento de luta e de unidade da classe trabalhadora do nosso País.

NEWSLETTER
RECEBA NOTÍCIAS POR EMAIL

Receba diariamente todas as notícias publicadas em nosso portal. Após cadastro, confirme sua inscrição clicando no link que chegará em sua caixa de entrada. Confira essa novidade!

SAF-Sul Quadra 02 Bloco D Térreo - Sala 102 - Ed. Via Esplanada - CEP: 70070-600 - Brasília-DF | Telefone: (61) 3226-4000 / Fax: (61) 3226-4004

Back to Top