Mobilização contra a Reforma da Previdência aumenta no setor de transportes

Data de publicação: 9 Mar 2017

O presidente Estadual da Nova Central – SP, Luiz Gonçalves (Luizinho) discursou na assembleia de lançamento da Campanha Salarial - 2017 do Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transporte Rodoviário Urbano de São Paulo (Sindmotoristas – SP), realizada na tarde de quinta-feira (9/2), em que a categoria decidiu protestar no dia 15 de março contra as Reformas da Previdência e Trabalhista.

Luizinho esclareceu que a data foi estipulada pelas centrais sindicais e movimentos sociais como dia de protesto contra as reformas, apresentadas pelo presidente Michel Temer (PMDB). “A participação destes trabalhadores (as) engrossará mais ainda o nível de insatisfação da classe trabalhadora e da população em geral com os desmandos deste governo e seus aliados no Congresso Nacional, que de forma antidemocrática quer impor prejuízos ao povo brasileiro”.

Valdevan de Jesus Santos (o Noventa), presidente do sindicato reiterou, em sua fala, a crise sem precedentes que o País atravessa, na qual os brasileiros (as), principalmente, os da camada mais pobres são duramente penalizados. Ressaltou que as reformas em curso é um “massacre” contra a classe trabalhadora.

“Sabemos de nossa responsabilidade e importância no movimento sindical. Nossa categoria tem história de ser o carro chefe nas lutas de maior turbulência para garantir os direitos imediatos e históricos de nossa classe. No próximo dia 15 de Março da zero hora até às 8 da manhã o transporte público da cidade de São Paulo estará 100% parado!”, garantiu Noventa, que foi muito aplaudido pelos trabalhadores (as).

Em seguida pôs em aprovação a pauta de reivindicações; os nomes dos membros da Comissão de Negociação; e a participação na manifestação que por unanimidade foi prontamente aprovado.
 

A Construção de uma NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES – NCST foi forjada na unidade, coragem e ousadia, capaz de propor uma alternativa de luta para os trabalhadores e trabalhadoras do Brasil. A NOVA CENTRAL SINDICAL DE TRABALHADORES marca um momento importante na história do Movimento Sindical Brasileiro, ela é a esperança transformada em realidade que se constitui como instrumento de luta e de unidade da classe trabalhadora do nosso País.

NEWSLETTER
RECEBA NOTÍCIAS POR EMAIL

Receba diariamente todas as notícias publicadas em nosso portal. Após cadastro, confirme sua inscrição clicando no link que chegará em sua caixa de entrada. Confira essa novidade!

SAF-Sul Quadra 02 Bloco D Térreo - Sala 102 - Ed. Via Esplanada - CEP: 70070-600 - Brasília-DF | Telefone: (61) 3226-4000 / Fax: (61) 3226-4004

Back to Top